Comunidade Banco do Planeta

Informação

Compensação de Carbono

O que você faz para reduzir ou compensar suas emissões de poluentes e seu uso de recursos naturais?

Membros: 205
Última atividade: 6 Ago, 2012

Como podemos evitar a poluição por gás carbônico?

Fórum de discussão

Curso de Energia Solar -FOTOVOLTAICA.

Gostaria de convidá-los a visitar o site sociedadedosol.org.br que está oferecendo um curso de energia solar bastante interessante. Ok. um abraço a todos.

Iniciado por Joel Terra Negrão 3 Out, 2010.

Empresas revelam emissões de gases de efeito estufa

Trinta e cinco empresas brasileiras revelaram seus inventários de gases de efeito estufa. Pela metodologia do Programa Brasileiro GHG Protocol, coordenado pelo Centro de Estudos em Sustentabilidade…Continuar

Iniciado por Moderador da Comunidade 2 Jul, 2010.

Calculadora de emissões de carbono.

Prezados, Queremos ter ascesso a essa calculadora. Favor informar como devemos proceder. Gustavo Prates.Diretor.Continuar

Iniciado por ONG- Vale Natureza 24 Maio, 2010.

Sem título

Sem descrição

Iniciado por ONG- Vale Natureza 24 Maio, 2010.

Definido padrão para cálculo de emissões de gases de efeito estufa (GEEs)

Cada cidade poderá mapear suas emissões de gases de efeito estufa seguindo um mesmo padrão de cálculo.O lançamento da padronização aconteceu durante o 5º Fórum Urbano Mundial, realizado no Rio de…Continuar

Tags: pegada de carbono, calculadora de carbono, cálculo, gee

Iniciado por Moderador da Comunidade 31 Mar, 2010.

Caixa de Recados

Comentar

Você precisa ser um membro de Compensação de Carbono para adicionar comentários!

Comentário de ॐ:FLOR ॐ:DEॐ: LISॐ: em 31 março 2011 às 15:40

CONVITE  A TODOS PARTICIPEM TAMBEM

  • PORTAL D'LUZ FILHOS DAS ESTRELAS

    PORTAL D'LUZ FILHOS DAS ESTRELAS

    1 membroÚltima atividade: 3 horas atrásEU VIAJANTE DAS ESTRELAS COMPARTILHO COM OUTROS IRMAOS EXPERIENCIAS TRIDIMENSIONAIS CONVIDO A TODOS
    POSTEM SUAS MENSAGENS E CANALIZAÇOES AQUI

  • PROJETO VÔO DA ÁGUIA

    PROJETO VÔO DA ÁGUIA

    1 membroÚltima atividade: 14 horas atrás 

    Conselho Mundial de Cidadania Planetária

    È a maior estratégia global organizada, justa, transparente, includente…

     

  • ESTILO E SAUDE- BEM VIVER

    ESTILO E SAUDE- BEM VIVER

    1 membroÚltima atividade: 4 segundos atrásTENHA PRATICA REGULAR DE ATIVIDADE FISICA ALIADA A UMA ALIMENTAÇAO EQUILIBRADA , E SAUDAVEL A QUALQUER IDADE. PARA SAUDE FISICA,MENTAL…

  • ESTRELA ORIENTE, ABARE HABADIA, MARIA A. ALVES E AMIGOS

    ESTRELA ORIENTE, ABARE HABADIA, MARIA A. ALVES E AMIGOS

    1 membroÚltima atividade: 9 minutos atrásSejam muito bem vindos à nossa Nave de Luz e sintam-se acolhidos por nossa Família Cósmica!

Comentário de Tie Bag Ecobags em 2 março 2011 às 7:40
 

Ola, estamos com um novo trabalho de incetivo ao uso das sacolas ecológicas www.tiebag.com.br/blog. Acreditamos que as sacolinhas coloridas e com estilo diferente combinam muito bem com o cotidiano das pessoas e. Nossa proposta de oferecer sacolinhas resistentes, bonitas , práticas e baratas tem dado certo, mas precisamos de mais apoio nas promoções.
Convidamos você a participar, indique a um amigo(a).
Abraços

Comentário de Emar Garcia Junior em 3 maio 2010 às 16:12
Boa tarde, a todos.
Gostaria de convidar a todos para participarem da MOSTRA ETHOS 2010,
estaremos no evento, com a nossa proposta de SUSTENTABILIDADE.
Muito Obrigado pela atenção, até lá !
UM GRANDE ABRAÇO, no aguardo.
WWW.COUROECOL.COM
Arq.Emar Garcia Junior ... RECICLE
Comentário de Raul Carvalho Correa da Silva em 9 fevereiro 2010 às 8:15
Me deparei com algo técnico, mas muito sério!
Vou explicar: Para se fazer coleta de sementes florestais no Brasil, um profissional tem que registrar propriedade a propriedade e Matriz (árvore da qual se pretende colher sementes), com o custo anual de R$100,00 por matriz POR ANO, junto ao ministério de agricultura pecuária e abastecimento, ou seja: se quisermos sementes florestais de modo LEGAL (acreditem o que tem no mercado é clandestina), torna-se inviável a coleta legal de sementes.
Mais um agravante: se alguém quiser faze-lo legalmente, fatalmente o fará com registro de poucas matrizes, o que trará futuramente outro problema muito sério para a vida da espécie em questão: a variabilidade genética, com poucas matrizes, teremos baixa diversidade genética o que pode recorrer em problemas parentais ( acredtem, são seríssimos ), e se atacar uma doença a qual esta planta é sucetível, toda a população desta matriz pode estar ameaçada, pois a variabilidade genética é que pode garantir que alguns elementos tenham genes de resistencia, ou seja se uns são suceptíveis, nem todos serão.

POR FAVOR: Alguem pode pedir aos Ministros da república para intervirem e pedir para fazerem leis com um pouco mais de inteligência, e visão de futuro??
Sem dúvida temos que controlar quem denigre a natureza, mas temos que ter meios de avaliar quem realmente quer trabalhar e permitir que o faça direito.
Vamos plantar, mas começaremos com clandestinidade?? e estes coletores fazem a coleta (clandestina) com responsabilidade, sem coletar toda as sementes da árvore, dando a chance da reprodução natural?? se fazem isto bem, que BOM! existe pessoas bem intencionadas ainda..... e no BRASIL. (desculpe pelo sarcasmo)
Raul da Silva
Eng° Agrônomo
por um BRASIL HONESTO.
Comentário de Flávio Rodrigues em 28 dezembro 2009 às 15:44
Comunidade voltada à divulgar e prestar informações e esclarecimentos do seguimento de Plástico Biodegradável à base de amidos e fibras.
Sua degradação ocorre em poucos meses e com total compostagem e assim contribuindo para o meio ambiente e contribuindo com o quadro atual dos pláticos à base de petróleo.
Façam parte do Banco do Planeta e contribua você também para um mundo melhor.
http://www.bancodoplaneta.com.br/group/sacolabiodegradavel
Comentário de MARCIO APARÍCIO CORRÊA E CUNHA em 6 setembro 2009 às 14:17
Raras vezes vi iniciativa melhor q a compensação de carbono! Excelente e é tudo de bom para todos nós e gerações futuras!
Caro fabrício, os cálculos estão disponíveis em sites de buscas e/ou blogs específicos que tratam do assunto em tela!
Att;
Márcio
Comentário de Fabricio em 3 julho 2009 às 0:51
Pessoal, alguém sabe como são feitos os calculos de compensação de carbono? A quantidade aproximada do consumo de carbono de uma árvore eu sei,mas e a de uma samambaia ou lírio da paz? Se puderem me ajudar...
Comentário de ONG- Vale Natureza em 15 junho 2009 às 19:33
Prezados,
Somos uma ONG legalmente constituida, e desenvolvemos um programa de carboneutralização através do plantio de árvores. Estamos a disposição para esclarecer qualquer duvida.
www.valenatureza.org
Comentário de Milton Aizemberg em 5 junho 2009 às 15:24

Nossa Esperança para o Dia Mundial do Meio Ambiente-2009

Que possamos Juntos com outras Instituições que como Nós Trabalham há muitos anos no Plantio e Preservação de Árvores unir esforços e fazer de fato parcerias e realizar um verdadeiro Trabalho de Cooperação fraterna em prol do Planeta e do Nosso Amado Brasil

PROJETO MILLENIUM 21 - Pensar Global

TRIÂNGULO GUARANI - Agir Local

Casa Corpo Brasis <^> 2007 - 2012

Milton Aizemberg, 55 anos, Vegetariano, Servidor da Luz e Peregrino , Fundador e Presidente da organização não governamental Corpo Brasis desde 1973. Instituição Filosófica, Cultural e Ambiental. Associação sem fins lucrativos e de utilidade publica , arreligiosa e apolítica e se mantém por doações voluntárias e por Cooperação Fraterna


BRASIL DESMATAMENTO

Brasil, uma vez teve a maior taxa de desmatamento no mundo e, a partir de 2005 ainda tem a maior área de floresta removida anualmente. Desde 1970, mais de 600.000 quilômetros quadrados (232.000 milhas quadradas) da floresta amazônica foram destruídos.
Até o final da década de 1980 o problema tinha-se tornado uma questão mundial, não só com a perda da diversidade biológica e perturbações causadas pela remoção das florestas, mas devido a fortes emissões de dióxido de carbono liberado de queimadas das florestas ea perda de um valioso para afundar globais absorver o dióxido de carbono (CO2). Em 1992 a Convenção Quadro das Nações Unidas sobre as Alterações Climáticas desmatamento no Brasil se tornou uma das grandes preocupações na Cimeira do Rio de Janeiro, onde em colaboração com vários grupos ambientalistas que trabalham na região para dar ao governo brasileiro um incentivo para reduzir a remoção das florestas e diminuir a taxa de desmatamento. Brasil ratificou o acordo de Quioto em 2002, como uma nação em desenvolvimento a não-Anexo I categoria de países. Estes países não têm quotas de emissões de carbono, como nações desenvolvidas em fazer o acordo. Em 2006 Brasil propôs um financiamento directo via para lidar com a redução das emissões de desmatamento e degradação em países em desenvolvimento, ou REDD, questão, reconhecendo que o desmatamento contribui para 20 por cento do consumo mundial de emissões de gases casa verde. Os concorrentes a proposta de REDD questão das emissões de carbono é um sistema de crédito, que reduziu desmatamento seria receber "créditos de emissões negociáveis". Com efeito, os países desenvolvidos poderia reduzir as suas emissões de carbono, ea abordagem das suas emissões através do investimento em quotas de desenvolver o reflorestamento rainforest países. Em vez disso, do Brasil 2006 proposta iria chamar de um fundo baseado em país doador contribuintes.
Até 2005 havia caído para remoção florestal 9.000 km2 (3.475 milhas quadradas) da floresta em comparação com 18.000 km2 (6.950 milhas quadradas) em 2003 e em 5 de julho de 2007 o presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva, anunciou na Conferência Internacional sobre Biocombustíveis, em Bruxelas que mais de 20 milhões de hectares de unidades de conservação para proteger a floresta e produção mais eficiente de combustível têm permitido a taxa de desmatamento a cair de 52% nos últimos três anos sozinho desde 2004. No entanto, apesar de reduções na taxa de desmatamento da floresta continua a ser removida e extensivamente entre maio 2000 e agosto de 2006, o Brasil perdeu cerca de 150.000 quilômetros quadrados de floresta, uma área maior que a Grécia.

Referência: Wikipédia, a enciclopédia livre



Comentário de Thamires de Oliveira em 26 maio 2009 às 19:02
Sabemos que existem três formas básicas de capturar e, posteriormente, armazenar o carbono: captura (separar o CO2 antes da combustão, depois da combustão e tirar o carbono do combustível) (jazidas de carvão, reservatórios esgotados de petróleo e gás, aqüíferos, formações geológicas, recuperação aprimorada do petróleo.

E pelo que parece, no Brasil, isso não é feito!
 

Membros (202)

 
 
 

© 2014   Criado por Moderador da Comunidade.

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço